30/08/09

Algumas perguntas inconvenientes de um cidadão fluminense insatisfeito e preocupado

Por que nada nunca parece mudar em relação ao tão ostensivo quanto antes jogo do bicho?



E quanto ao "complexo" problema de falta de espaço para guarda de caça-níqueis? Já foi resolvido? Por que ainda proliferam?



Por que o RJ é uma das únicas UF em que a perícia criminal, mister mais importante da fase de investigação criminal e o único válido na fase judicial, ainda não é organicamente autônoma?



Qual o destino dos funcionários da Secretaria de Estado de Segurança (SESEG) recentemente denunciados por improbidade administrativa? Ainda estão nos cargos?



Por que, gratificações à parte, é tão grande a discrepância entre salários de dirigentes da polícia investigativa civil e de todos os demais operadores da segurança pública?


Por que policiais militares permanecem com acesso vedado aos mais elementares bancos de dados de natureza criminal?



Por que são tão pródigas as declarações à imprensa de responsáveis pela investigação "sigilosa" de delitos?



Por que o Instituto de Segurança Pública oculta as taxas de elucidação de delitos?



Por que Márcio Derenne deixou a SESEG?



Por que apesar de todos os indicadores criminais, acusações, exonerações e nomeações, e do consequente e cada vez mais claro prejuízo eleitoral a uma das mais desastrosas gestões governamentais que o RJ já teve, o titular da SESEG ainda ocupa o cargo?



Por que há policiais militares servindo à disposição da polícia civil?



Por que apesar do potencial incremento de qualidade e de segurança à população, policiais militares ainda são impedidos de encaminhar ocorrências de pequena monta diretamente ao poder judiciário, ficando presos, juntamente com vítimas, acusados e testemunhas, a penosos, anacrônicos e desnecessários procedimentos cartorários?



É mera coincidência o assustador incremento de roubos a transeuntes após a retirada da PM do trânsito?



Por que embora o RJ tenha a folha de pagamento menos onerosa e a segunda maior arrecadação do Brasil, paga os piores soldos do país aos seus bombeiros e policiais militares?



Inconvenientes? A quem? Por quê?


3 comentários:

Rose Mary Motta Prado disse...

Respostas para algumas das perguntas:

Pergunta: Jogo do bicho = porque todos se beneficiam!
Pergunta: caça-níqueis = vários devem retornar para onde vieram.
Pergunta: perícia criminal = a Emenda Constitucional aprovada carece de lei complementar que regulamente o funcionamento e a estrutura administrativa do órgão pericial. Esta lei deve partir do executivo (Governador do Estado).Aí está o problema!
Pergunta: funcionários SESEG = PODIAM ser processados pela dispensa indevida de licitação de equipamentos e serviços para a Secretaria.A ação tramitaria na Justiça Federal...
Pergunta: discrepância entre salários de civis e demais = por serem investigativos,são considerados de elite.
Pergunta seguinte: Não sei! Também queria saber...
Pergunta: declarações à imprensa = EGOS, VAIDADES.
Pergunta:Taxas de elucidação de delitos = Ou é para não nos deixar apavorados (nem precisa, pois já andamos assim mesmo!), ou por total desconhecimento.

Anônimo disse...

Quanto aos salario + baixo do pais, eles sao necessarios para propiciarem um ambiente favoravel ao fim da PMERJ e assim tornar viavel o projeto que esta em pleno vapor de transformar a PMERJ em algo subordinado aaos Delegados de poicia civil.
questionamentos:
1- Qual sera o plano de carreira dos pracas que serao chamados de oficiais de policia (Fardados e no PO) acorda praca hoje vc sabe com quanto se aposenta, vao tirar isso de vc tb.
2- Os Oficiais vao ficar olhando mas uma vez, nao havera debates para decidir o futuro da PMERJ.
3- E o pior de tudo estao uasando logo o rio de janeiro como cobaia, pq nao um estado de menor expressao dentro do cenario nacional.
4- quais serao as regras do jogo.

solucao:
1- Qualquer melhora passa por salario e nao por gratificacoes.
2- Ciclo completo de policia ai sim poderiamos mensurar a eficiencia de cada policia.
3- A policia deveria ser subordinada ao Ministerio da Justica.

Anônimo disse...

Porque todos sabem(e não fazem nada não se porque)que há um plano orquestrado em nível nacional e estadual pelos delegados para fortalece-los em detrimento dos militares federais e estaduais, haja vista as operações onde só aparecem PM corruptos e nunca civis, onde tanto num plano federal como estadual só há um objetivo criar um estado de policia liderado pelos delegados.

E o mais triste, todos que lutaram pelo fortalecimento, ou melhor, contra os delegados são de alguma maneira retirados do comando da PM, seja por lutar pelo termo circustanciado, seja por não aceitar os desmandos do delegado federal Beltrame.