07/09/09

50 x 30

Faz poucos dias, William Travassos exibiu matéria em seu programa matutino acerca da proliferação de "pedintes" nos sinais de trânsito do Rio de Janeiro, fonte notória e abundante de mais insegurança e medo...
 
Na matéria, um consciente (e talvez corajoso) cidadão alegou que ao parar seu veículo nos semáforos não dava dinheiro algum aos pedintes, pois não desejava ser conivente com o tráfico de drogas.
Achei um pouco exagerada a ilação, mas apenas até o momento em que ao ser entrevistado,  um pedinte adolescente admitiu utilizar o dinheiro obtido para a compra de crack... 
 
Mas a verdadeira surpresa foi outra!
Ao ser questionado quanto arrecadava por dia em seu "trabalho", o adolescente respondeu, não sem antes queixar-se: "CINQUENTA REAIS".
Sim, é verdade, o pedinte alegou perceber por dia de "trabalho" valor substancialmente maior ao que recebe aquele que  deveria estar de prontidão no mesmo sinal de trânsito, preservando a ordem e garantindo a segurança dos cidadãos que por lá transitam. Mas ele não está lá... 
  
Será que no que parece ser uma das decisões mais desastradas daquele que ainda  ocupa a pasta de segurança pública no RJ há na verdade algo de sábio? 
Ao menos em matéria de emprego de efetivo e de promoção de segurança pública, duvido muto!

Mas onde estaria então o caráter sábio de tal decisão?
Certamente também não é perceptível a partir da verificação dos índices estatísticos alusivos à criminalidade, já que roubos - principalmente a transeuntes - seguem impressionante escalada rumo ao desespero (de nós todos que vivemos por cá).

Talvez a sapiência esteja então na necessidade de evitar a potencialmente conflituosa (ou não) relação entre maltratados e vexatoriamente remunerados operadores da lei e da ordem...
E nem tão mal remunerados assim operadores da insegurança pública nos sinais de trânsito...
Quem sabe!

7 comentários:

Rose Mary Motta Prado disse...

Uma de suas qualidades é não se colocar só como policial militar, não se distanciando do cidadão comum, como acontece com grande parte dos Pms.
Pelo menos no meio de tanta violência em menos de 24 horas, 2 casos tiveram finais felizes:
o BOPE capturando bandidos que fizeram reféns em apartamento em Copacabana e libertando os sofridos reféns e a polícia civil prendendo um dos maiores abastecedores de armas e drogas das favelas cariocas.
Força e honra!!!

Anônimo disse...

Manifestação em frente ao Palácio Laranjeiras cobra ações de Cabral
POR RICARDO VILLA VERDE, RIO DE JANEIRO

Rio - Cerca de 50 manifestantes fizeram, no início da noite deste 7 de Setembro, um protesto em frente ao Palácio das Laranjeiras onde o governador Sérgio Cabral se reuniu com a bancada federal do Rio para discutir o projeto que muda o marco regulatório de exploração do petróleo. Os manifestantes são ligados ao transporte alternativo do Rio e ao movimento 'Fora Sarney'.

Os manifestantes faziam muito barulho, chamando a atenção de quem passava e gritaram palavras de ordem, como 'Fala Cabral', e 'Cabral amigo de Sarney'. A polícia teve de reforçar o policiamento na área.

O objetivo da reunião é discutir com os deputados e senadores do Rio estratégias para a votação do projeto encaminhado pelo presidente Lula ao Congresso, e pode revisar na divisão de Royalities do petróleo para os estados produtores


O DIA ON LINE.

Anônimo disse...

Se distanciando do cidadão comum?

Por um acaso somos (PMs) cidadãos extraordinários?

Não seria o contrário? O cidadão não só se aproxima do PM quando precisa? E depois ele que se exploda? Não é pago para morrer mesmo?

Não me diga que você nunca falou; fez ou pensou isso?

Fique sabendo, os pensamentos de Wanderby são mais comuns entre a maioria da tropa do que o preconceito possa imaginar. Pois além de sermos cidadãos comuns, também somos filhos, maridos, esposas, irmãos, pais, mães de cidadãos comuns. E sofremos como qualquer cidadão comum as mazelas de um DESgoverno. Basta ver o índice de policiais mortos apenas neste ano, nem no Iraque morreram tantos!

Acho que isso prova que não somos imunes a todo mal que assola o Rio de Janeiro, ao contrário de Sérgio Cabral Filho que tem dezenas de policiais grudados nele e em sua família 24 horas.

SOLDO DEFASADO disse...

Geral - Estado de São Paulo
Policiais civis, militares e técnico-científicos ganham aumento salarial em São Paulo
08/09/2009 - 08:00:00 -


Policiais civis, militares e técnico-científicos ganham aumento salarial em São Paulo.

O reajuste de até seis e meio por cento começou a valer na sexta-feira, informou a Secretaria de Estado de Segurança Pública.

No ano passado, foram aprovados pela Assembleia Legislativa dois aumentos, um que passou a valer em novembro passado e esse de agora.

Com isso, o salário inicial de um delegado, que no começo de 2008 era de menos de quatro mil reais, sobe para quase seis mil.

Os reajustes valem para todas as carreiras da Polícia Civil e patentes de Polícia Militar.

Um primeiro tenente da PM, por exemplo, terá aumento de mais de mil reais no salário.

Já um soldado de segunda classe passa a ganhar dois mil 170 reais.

Em 2007, cerca de 125 mil policiais , em todo o Estado de São Paulo já haviam recebido aumento de até 23 por cento.
E o nosso? Será quem vem? O meu QSJ já acabou, já iniciei no LIS! Alguém tem algum BIZÚ?

Anônimo disse...

SOLDO DEFASADO:o bizú é 0% . Por acaso tinhas alguma esperança?
Votou nelle?

Anônimo disse...

Cada sociedade tem o governo que merece,pois não sabem escolher e acabam elegendo um verdadeiro CIRCO cheio de PINOQUIOS que contam anedotas para os bobões desta cidade que acreditam.mas tem o seguinte,vai neles e já.UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU
JORGE JURUNA

Anônimo disse...

Até José Serra já se tocou que deve dar salário a tropa se quiser votos no ano que vem.

Escutei um papo que Cabral está aguardando a decisão do COI para decidir se será vice de Dilma Roucef ou não. Tudo depende se o Rio ganhar, concretizando, ele fica para tocar as obras das Olimpíadas (gueludo). Caso o Rio perca, ele será vice na chapa PT-PMDB.

Eu proponho que enviemos e-mails ao gabinete do Presidente Lula para alertá-lo que se Cabral for o vice, o PT estará fadado a perder no estado do Rio.