10/06/09

Acho natural...

que o cidadão Sérgio de Oliveira Cabral Santos Filho expresse o que pensa acerca da absolvição dos 44 militares presos por ocasião da operação "duas caras" da polícia investigativa civil do RJ e da necessidade de que permaneçam fora das ruas.
Acho natural que o cidadão Sérgio de Oliveira Cabral Santos Filho tenha o direito ainda de defender a liberalização sexual plena, a liberação de recursos públicos para a LIESA, a descriminalização da posse de entorpecentes e até mesmo a prática do aborto como forma de reduzir a criminalidade.




Afinal, vivemos em um país livre e democrático!

Por outro lado, acho no mínimo estranho que o governador do estado do RJ acredite que tem autoridade - e não falo de autoridade moral - para determinar que cidadãos absolvidos em processo regularmente instaurado e conduzido por autoridade judiciária competente sejam afastados de suas funções.



Afinal, vivemos em um país livre e democrático!


Acredito sinceramente que se o governador do RJ tem tamanha convicção da culpa dos militares em relação aos fatos dos quais foram acusados, deveria adotar medidas no sentido de apurar a responsabilidade de quem esteve incumbido do dever de ofício de carrear provas bastantes ao Ministério Público em tal sentido e, ao menos sob a ótica do poder judiciário, não o fez.

Por que não o faz?


11 comentários:

MAE disse...

II Reis, 20
1. Por aquele tempo, Ezequias adoeceu e quase morreu. Veio até ele o profeta Isaías filho de Amós e disse-lhe: “Assim diz o SENHOR: Põe em ordem a tua casa, já que vais morrer; não tens mais tempo de vida”.
2. Ele virou o rosto para a parede e orou ao SENHOR:
3. “SENHOR, lembra-te de como caminhei em tua presença, em verdade e pureza de coração, fazendo o que era agradável a teus olhos”. Ezequias se desfez em grande pranto.
4. Mas antes que Isaías tivesse atravessado metade do átrio, veio-lhe a palavra do SENHOR, dizendo:
5. “Volta e diz a Ezequias, chefe de meu povo: Assim diz o SENHOR, Deus de Davi, teu pai: Ouvi tua oração e vi as tuas lágrimas. Eu te curo. Dentro de três dias serás capaz de visitar a Casa do SENHOR.
6. Acrescento quinze anos a teu tempo de vida. Salvarei da mão do rei dos assírios a ti e a esta cidade. Protegerei esta cidade em consideração a mim e a meu servo Davi”.
7. Isaías mandou trazer uma massa de figos. Trouxeram-na e colocaram-na sobre a úlcera, e Ezequias ficou curado.
8. Disse então a Isaías: “Qual será o sinal de que o SENHOR me curou e de que poderei visitar a Casa do SENHOR dentro de três dias?”
9. Isaías respondeu: “Este será para ti o sinal do SENHOR de que sua palavra se realizará: Queres que a sombra avance ou recue dez degraus?”
10. Disse Ezequias: “É fácil para a sombra avançar dez degraus, prefiro que recue dez degraus”.
11. O profeta Isaías invocou o SENHOR, que fez a sombra recuar dez degraus em relação ao ponto em que chegara nos degraus de Acab.

COM MUITO AMOR E CARINHO
MAE
MULHERES AMIGAS ESPECIAIS.

Anônimo disse...

ESSE GOVERNADOR ,NÃO VALE NADA,DEFENDE TUDO QUE É ERRADO,E SÓ FALTAVA ESSA FICAR CONTRA SESU PROPRIOS POLICIAS,ISSO TEM QUE SER MOSTRADO EM JORNAIUS,TV,RÁDIO PARA TODOS QUE QUEREM SER POLICIAIS,E VEREM QUAL É A REALIDADE VIVIDA....

TODOS ENTRAM ACHAM QUE VÃO ENRIQUECER,E TUDO VAI SER MOLE...
PURA ILUSÃO.. QUER ENTRAR PARA POLICA ENTRE PARA A POLICIA CIVIL...... POISI A MILITAR SÓ EXISTE COVARDIA......

MAJ GUILE

Anônimo disse...

PERFEITO SEU POST!

VOLTAMOS A DITADURA E TEMOS UM DESPOTA CORRUPTO!!!!

Ricardo Garcia disse...

Reparem o lado bom das coisas...podemos recorrer tambem a uma indenização por sermos vitimas da Ditadura...afinal isso é moda...

Fatos gozados: O que vivemos não é uma guerra
A maneira que os Governantes pensam não são as de um ditador
Viciado é doente
Bandido é Cidadão
E o "culpado " é sempre a Policia

VIVA A HIPOCRIZIA E A DEMAGOGIA

Anônimo disse...

Não fazem porque não tem COMPETÊNCIA para fazer, vide o caso da Engenheira desaparecida na Barra, 01 ano depois e NADA! SCI Miami neles! E quem sofre é a população com a criminalidade crescente. Se não for preso em flagrante delito tem mais de 95% de chance de se dar bem!

Anônimo disse...

MEUS AMIGOS, OS DEPUTADOS EM UM TOTAL DE 39 APROVARAM UMA INVESTIGAÇÃO NA PMERJ A RESPEITO DOS DESMANDOS DE COMANDANTES E DE DESGOVERNOS QUE COLOCAM NA RUA POLICIAS ABSOLVIDOS PELA JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO.DIGO 39 DEPUTADOS O QUE QUER DIZER MAIORIA,NESTA O sr governador vai sentar juntinho com certos sr que se dizem comandantes.VIVA O BOLSONARO QUE ESTA NA LUTA PELOS POLICIAIS MILITARES DO RIO DE JANEIRO,VIVA BOLSONARO.ESSES POLICIAS DEVERIAM ENTRAR NA JUSTIÇA CONTRA ESSE FACISTA,POIS NÃO ESTA ACATANDO A DECISÃO DE UM JUIZ DE DIREITO,COM ISSO ESTA DESMORALIZANDO OS 44 POLICIAS,JUSTIÇA NELES.

JOÃO DO MEIER

Alexandre, The Great disse...

IRRESPONSÁVEL!
É a primeira palavra que vem a mente quando se lê uma declaração dessas.
É um moleque!

Anônimo disse...

Sou oficial da policia militar, filho de um praça bombeiro militar reformado, nunca gostei do garotinho, aliás, sempre o odiei, mas para arrancar esse atual governador de seu cargo, eu votarei no pilantra de campos com muito prazer. Terei o grande deleite de expuragar o governador Sérgio Cabral, sei que não estou sendo um cidadão ideal, isto é, não usando a arma do voto secreto para eleger alguém que melhore o estado do RJ, mas usando-o para fins mesquinhos, puramente particular, porém como sinto que fui enganado por esta lástima de governo, usarei da pura emoção para saciar o desejo de muitos da minha corporação, que é detonar os patifes que nos enganam para conseguirem se eleger. Tomara que esse tal SC seja o último a nos enganar, ou seja, que ele sirva de exemplo para que outros políticos que se candidatem ao cargo de governador do estado sejam mais homens e honestos perante nós Policiais Militares, Policiais Civis e Bombeiros Militares. Acho que canalhice, demagogia e ementiras deslavadas têm limites. Eles deveriam analisar com responsabilidade o caixa do estado para que nas campanhas digam a verdade e não nos ludibrie, uma vez que fazem isso porque sabem que somos a corporação mais mal paga da federação, e, percebendo o nosso desespero financeiro, realizam as falsas promessas para conseguirem nossos votos. Mas isso acabou com o Sérgio Cabral, ele nos alertou, ou seja, abriu nossos olhos para não confiarmos mais em políticos da sua categoria. Acho também que a população fluminense deveria abrir seus olhos a fim de tenham alguma melhora nos setores de Segurança Pública, Saúde e Educação. Pois do contário, se continuarem votando e elegendo esses aproveitadores e oportunistas, continuarão na mesma porcaria em que todos nós, sejam os servidores, seja a população como um todo, nos encontramos. Quem sabe um dia teremos alguém a altura de governar de fato e de verdade o estado do Rio de Janeiro, o quel vem sendo ojeto de descaso e de abandono por políticos incompetentes, oportunistas e que só pensam nas benesseses e nas vantagens que o mundo político pode lhes oferecer. Será que é isso que sempre teremos??? Uma quadrilha de aproveitadores, mentirosos, que nada fazem para melhorar a qualidade de vida da população fluminense e que usam a máquina pública somente a seu favor, usando nosso suado dinheiro para comprar a mídia e fazer marketing pessoal?? Se continuarmos assim, certamente acabaremos mal, enquanto os reais oportunistas continuarão desfrutando das citadas benesses, como viagens, casas e apartamentos de incalculáveis valores, salários astronônicos, vantagens e mais vantagens. Será que é que queremos??

Anônimo disse...

Dura lex sed lex
o fato de vivermos em uma democracia não dá o direito a um administrador direto como o governador de externar suas opiniões descabidas. como tal o mesmo deveria era simplesmente cumprir o que determinou a lei e respeita-la!
não só desmoralisou os praças que foram expostos como também ao magistrado que interpos, como de fato o deveria te-lo feito, em nome de uma justiça limpa sem colocar opinião própria mas velando pelos fatos a ele ministrados!
parabenizo tal magistrado e ao sr governador ... tá chegando o seu dia!!!!!!
mais coisas estão por vir a tona!
nada ha encoberto que não venha a ser revelado à luz da justiça divina!
dessa ninguem escapará!

Anônimo disse...

Que fazer? O Estado é ele(assim ele deve pensar) no melhor estilo Luiz XIV, aquele que disse: " O Estado sou eu ".

Kadu Ayres disse...

Não estou acompanhando o processo, mas da sentença absolutória já transitou em julgado? Já se esgotaram os meios recursais de impugnação de sentença?

A CF consagra no inciso LVII do art. 5º que inocente é a pessoa até que se transite em julgado sentença condenatória...e o direito ao devido processo legal, e a inafastabilidade do aparelho judicial...

Ou seja, se da sentença ainda tem meios de recursos e reforma, a pessoa ainda não pode ser considerada culpada do delito que elegam ter cometido...

Transitada em julgado a sentença absolutória, ela é irrecorrível, há um instituto semelhante a ação rescisória do direito processual civil, a chamada revisao criminal, com uma única diferença só pode ser proposta a favor do condenado, nunca contra, e precisa ser baseada em provas novas, podendo ser proposta a qualquer tempo, nao há prazo prescricional nem decadêncial, podendo ser proposta pelo proprio condenado através de representante legal, sendo possível tb pleitear mesmo morto através do conjuge sobrevivente, descendentes, ascendentes (pais), e irmãos...

Da sentença que absolve o réu só cabe apelação pra mudar o dispositivo da condenação, pois o requisito básico pra interpor recurso, é que se tenha sucumbência, ou seja, foi prejudicado (preso, condenado), qual seria o interesse de mudar o dispositivo da sentença absolutória???

Simplesmente pra fechar as portas de qualquer outro processo em outra área, pq a sentença q absolve o réu por motivo de dúvida (in dubio pro reo - na duvida decide-se a favor do réu), falta de provas, as portas de outros processos como o cível fica aberta, podendo ele mesmo ser demandado lá...

Mudando o dipositivo da sentença em que o réu não foi autor do fato, ato, crime, tranca todo e qualquer processo em todas as áreas, transitado em julgado já nao tem o Estado o Ius Puniendi (Direito de Punir), não podendo ele fazer diferença nem negar-lhe direito, caso ocorra:

MADADO DE SEGURANÇA NA AUTORIDADE COATORA !!!!

Paz e Bem a todos sempre !!!