06/05/2007

Tenho vergonha!

.
"Olá,
Este site está em permanente atualização.

Os resultados do jogo do bicho são das apurações do Rio de Janeiro, que são válidos para a maioria dos estados. Resultados atualizados em deu no poste.
Esta página não tem a intenção de incentivar o jogo do bicho. Apenas divulgo detalhes deste jogo que é mania nacional e que faz parte do nosso folclore. Esclareço que não arrecado qualquer tipo de jogo nem vendo nada, apenas uso este espaço para dividir com amigos análises sobre os resultados divulgados diariamente pela imprensa e que são de conhecimento público. Conheça o 'tabelão', onde encontrará detalhes do jogo para acompanhar centenas e se estiver sem palpite,use o 'palpitometro'. Sempre que possível estarei incluindo novos dados sobre o jogo do bicho. Veja as estatísticas do jogo do bicho, horóscopo e numerologia. Aqui você encontrará muita informação sobre o jogo do bicho, desde a sua criação em 'história' até o resultado da ultima extração.

Seja bem-vindo e volte sempre, fique a vontade para entrar em contato. ".
(extraído de http://www.ojogodobicho.com/)

Nas esquinas de "nossa" cidade e agora também na rede mundial de computadores.
A relação simbiótica entre a impunidade e a corrupção permanece.
O JOGO DO BICHO continua, mais do que nunca, livre, leve e solto.

Por outro lado, acabo de ouvir na Band news a seguinte chamada: "CINCO MIL CRIANÇAS SEM AULAS POR CAUSA DA OPERAÇÃO DA PM NA VILA CRUZEIRO"; ouvi também, é claro, mais algumas notícias sobre novas vítimas inocentes do confronto.

Você não sente vergonha?

Sabe qual é o ponto de contato, o que há em comum na prática livre do jogo do bicho e no assassinato de policiais militares? Qual o principal "combustível" de tais ações?

Não creio que seja a incompetência, a irresponsabilidade, a falta de coragem, a inércia e a corrupção que parecem continuar a imperar no RJ, mas seu perverso subproduto:

A IMPUNIDADE!

E, enquanto isso, a Polícia Civil "comemora" seus "199" anos fazendo... RAPEL!
E ainda é prestigiada!
.

6 comentários:

Anônimo disse...

A PMERJ não foge a regra, com o blog oficial preocupado em comemorar os 200 anos! Pq a culpa do jogo é da Polícia Civil??? Será que o Major não pode mandar algum PM prender alguem??? Ou o senhor mesmo, prender um desses?

Anônimo disse...

Sera que se um PM prender algum apontador algum escrivao de policia vai querer autuar o criminoso??????????....ou sera que esse pm nao vai parar la em varre-e-sai????...(como alguns policiais civis falaram no radio quando a propria civil apreenderam os caças niqueis em folga???)
sera??????????????????????????

Anônimo disse...

Com sinceridade, Major...

Qual foi a última vez, que Vsª se dignou a levantar o traseiro de sua cadeira, e por si mesmo, prender um bicheiro ou apontador de bicho....
Quando foi que ao invés de apenas falar, 'vós-mercê' partiu para a prática ao invés de apenas falar..

Em suma...demonstre suas palavras pelos seus atos, major...
E pare de caô...

Samango.

Wanderby (wanderby@oi.com.br) disse...

Caro anônimo
A última vez se deu na última vez em que estive em uma Unidade Operacional (ordinária), quando era SCmt do 7º BPM.
Pensei que fosse desencadear uma "reação em cadeia" junto aos meus subordinados, mas tal não ocorreu e alguns pareciam até mesmo temer fazê-lo.
Tal ocorrência levou meses para chegar ao judiciário local (o que só ocorreu após eu ingressar com pleito de certidão junto à DP.
Entende o motivo pelo qual alguns parecem temer tanto que a PM lavre TC?
Jogo do bicho é infração de menor potencial ofensivo.

Anônimo disse...

Caríssimo Major,

O senhor critica de maneira feroz, a primeira ação que - em muitos, muitos anos mesmo - procurou retaliar o assassinato covarde de policiais militares.
Retaliação sim, da única maneira que o vagabundo entende. A que mexe no bolso dele.
Acredito que o senhor, ou o Luciano Fofão, tenham desenvolvido alguma idéia melhor.
Que tal compartilha-la conosco?
Sem teorias sociológicas utópicas, evidentemente.
Já participei - quando da implantação do GPAE do 16º BPM - de uma ação similar que culminou em expulsar, na bala, os traficantes da Vila Cruzeiro.
Eles se refugiaram em outras favelas do Complexo do Alemão, mas, retornaram cerca de dez dias depois, a convite de um policial militar.
Em troca de R$ 15.000,00 semanais.
E garanto que não foi um soldado.

Anônimo disse...

caros articulistas

falar que vai prender bicheiro pós "ruricane" é mole. queria ver alguém falar antes, ou após baixar a poeira.

Todo policial, seja ele da PMERJ OU PCERJ, BOMBEIRO ..., SABE QUE AS "MÁFIAS, ESTÃO ESTABELECIDAS, E MUITO BEM ESTABELECIDAS, DENTRO DAS INSTITUIÇÕES.

Precisamos é de mudanças profundas, e não de falásseas!!!!

ASS. LOPES