21/08/2007

EU DESAFIO VOCÊ!

.
Não sei quantas estrelas tem nos ombros ou quantas divisas ostenta.
Não sei nem mesmo se ostenta estrelas ou divisas.
Não sei quanto lhe vale o cargo que ocupa e nem mesmo se ocupa algum cargo de "destaque".
Também não sei quais são seus valores morais ou sua disposição para vencer o medo.
Mas sei que é humano, caso contrário, não estaria raciocinando sobre as linhas que agora escrevo.
E por saber que é humano, DESAFIO VOCÊ a assistir ao vídeo disponível em http://capitaoluizalexandre.blogspot.com/.
Caso não sinta um certo "nó" na garganta e a necessidade de deixar rolar ao menos uma lágrima, POR FAVOR, buscando ou não subterfúgios retóricos, não vá à marcha democrática e não faça nada em relação à tolerância zero, pois nós não precisamos de você.

28 comentários:

Anônimo disse...

Maj, solicite ao Cap Alexandre, que disponibilize o vídeo (se possível no youtube) pois assim poderemos copiar e levar aos quartéis. Ainda há tempo. A hora é agora.

Samango 1 CPI e 7 BPM

Anônimo disse...

Deveríamos exigimos a criação da Pensão Militar, nos moldes das Forças Armadas, pois estes terão um tratamento diferenciado em virtude da própria previsão Constitucional de uma Pensão própria para os Militares Federais.

O Próprio Deputado Picciani devolveu o texto para o Palácio da Guanabara, pois não aceitou o que fariam com a PMERJ e CBMERJ.

Esta questão é mais importante do que todas as demais reunidas pelo projeto 200 anos, 09 dos Bardonos e 40 da Evaristo.

Pela Pensão Militar deveríamos brigar com unhas e dentes, isto valeria a pena, pois é um direito que está sendo suprimido, enquanto isso, a única coisa em evidência é a mantença do Cel Ubiratam (Ubirapança) no Poder.

Se passar nos moldes em que se encontra, estaremos com a nossa aposentadoria, que já é uma MERDA, comprometida para sempre.

Conclusão, além de nos enterrar em maus salários, estamos agora sendo enterrados com uma péssima aposentadoria.

Por isso deveríamos lutar, esta causa é importantíssima.

Pensão Militar já!!!!!!!!

Anônimo disse...

Assim infelizmente funciona a pmerj,há algum tempo venho dizendo aqui sobre a covardia que tem sido feita com os reformados por invalidez. Estão sem os triênios integrais,perderam o auxílio-moradia,não contam com o plano de carreira,enfim,foram extremamente prejudicados......agora que o governador quer mexer no RIO PREVIDÊNCIA, alguns amigos da ativa estão preocupados com suas reformas...o que está ruim vai ficar pior!

Anônimo disse...

* SERÁ QUE O SR. PRESIDENTE NÃO SE LEMBRA DE TER PARTICIPADO DE NENHUMA REINVIDICAÇÃO DE MELHORIAS QUANDO OPERÁRIO (INCLUSIVE LIDERANDO)?

* NUM DISCURSO RERCENTE O SR. PRESIDENTE DISSE QUE GANHAVA COMO PEÃO DA INDÚSTRIA UMA FAIXA DE OITO SALÁRIOS MÍNIMOS. EU NÃO CHEGO NEM PERTO COMO SARGENTO DE POLÍCIA!

* SERÁ QUE O ILUSTRE SEC. DE SEGURANÇA NUNCA LUTOU POR MELHORES SALÁRIOS PELOS POLICIAIS FEDERAIS?

PENA QUE, QUANDO O PODER CHEGA, VENDA OS OLHOS DO PASSADO, MUDANDO RADICALMENTE A PERSONALIDADE E OMITINDO UMA REALIDADE VIVIDA E OUTRA ATUAL. É O FAMOSO "FAÇA O QUE EU DIGO, MAS NÃO FAÇA O QUE EU FAÇO!"

SOU MILITAR NÃO SÓ POR NECESSIDADE, MAS POR IDEAL TAMBÉM. PORÉM, ESTA CHAMA DE IDEALISMO QUE AINDA EXISTE PRECISA SER VALORIZADA POR NOSSOS REPRESENTANTES.

O QUE SE ESTÁ SENDO PLEITEADO NÃO É AUMENTO, E SIM A REPOSIÇÃO DO QUE NOS FORA FURTADO AO LONGO DOS ANOS. SEQUER ESTÁ SENDO REQUERIDO OS DIREITOS TRABALHISTAS, COMO VALE-TRANSPORTE, PLANO DE SAÚDE (O PESSOAL DO INTERIOR NÃO TEM ASSISTÊNCIA MÉDICA, SÓ O SUS, APESAR DE DESCONTAR O FUSPOM), HORAS EXTRAS, ETC...

SE NÓS MESMOS NÃO LUTARMOS POR NOSSOS DIREITOS, VAMOS APODRECER SEM DIGNIDADE. SERÁ QUE ESTAMOS SENDO SACRIFICADOS PELO TROCO DA DITADURA? POIS A MAIORIA DOS PODEROSOS FORAM VÍTIMAS DOS MILITARES NAQUELA ÉPOCA. COMO DIZIA O FALECIDO CAZUZA: MEUS INIMIGOS, ESTÃO NO PODER!!!

SGT PM.

djfabio disse...

estou de luto.
nós do cfs/12 estaremos todos de serviço no mesmo dia e hora da passeata.

quero q saiba q mesmo longe estamos JUNTOS

Anônimo disse...

maj peixoto, traídor, puxa saco do cmt geral, que se vendeu por uma viagem com o CAO; seu futuro na PMERJ será triste sem dignidade!!!! não censure pois é verdade. E JUNTOS SOMOS FORTES MESMO SEM OS COVARDES.

Anônimo disse...

oq fazer se houver ordens para nao comparecer a passeata de domingo?

Anônimo disse...

Major.
Já que o Governo diz não ter recursos para nos conceder um reajuste digno, eu fico pensando:
Porque não é cobrado a taxa de Incêndio da maioria das cidades do interior?
Uma idéia seria trocar essa atual taxa de incêndio por uma que se chamaria "taxa da segurança pública". Voltaria o CBMERJ para a secretaria de Segurança do estado junto com a PMERJ.
A nova "taxa de segurança pública" seria cobrada de todas as residências do estado com mais de 80 m2.
A nova taxa poderia ser destinada exclusivamente para a manutenção de viaturas do CBMERJ E PMERJ e reajuste salarial.
Ouvi um coronel do CBMERJ falar que o estado não cobra a taxa de incêndio de muitas cidades do estado porque falta somente pegar o CD com a prefeitura contendo as medidas das residências (consta no IPTU).
O CBMERJ e a PMERJ poderia perder definitivamente a dependência que tem hoje com os prefeitos das cidades. Muitos destes prefeitos que não aceitam incluir a taxa de incêndio no seu município, alegam simplesmente que consertam o carro da PM e BM. Simplesmente perderíamos essa dependência definitivamente.


FICA AI A IDÉIA, É SÓ AMADURECER E QUEM SABE É A SAIDA.

ALGUMA COISA TEM QUE SER FEITA.
SÓ NÃO TEM JEITO PRA MORTE.

CB CBMERJ

Roberta disse...

Eu também gostaria de poder copiar o vídeo... se for possível...

Major, aproveito a passagem para dizer que pode contar comigo.

Bjs!

MARIA CHRISTINA ANTUNES FREITAS disse...

Major Wanderby;

Este vídeo é (infelismente) de enorme utilidade para o público externo.
O público interno, está cansado de ver estas cenas. Mas o externo, precisa sentir que atrás das fardas existem pais de famílias, mães com a dupla ou tripla jornada de trabalho.
O público externo, praticamente nada sabe de Polícia e Bombeiro. Somente sabem o que a mídia se propõe a divulgar, isto é, a parte "feia" da profissão, que como todas as outras, tem em seus quadros aqueles que não merecem estar lá.
Aproveitando, gostaria de externar meu total apoio ao Sr. Major e a todos aqueles que integram o "Direito de Sonhar e Realizar".
Espero que esse direito seja preservado, bem como a integridade desse movimento PACÍFICO, UNO e AUSTERO.`
A luta, que hoje é de todos nós, devolveu-me o direito de emocionar-me ao direcionar meu olhar, não somente para as minhas dores, mas também paras grandes dificuldades por que passam a Família Militar Estadual!
O Governo Estadual e sua cúpula, deveria estar imensamente orgulhoso ao perceber que tem em seu quadro "cabeças pensantes", disciplinadas e unas, até porque: são estes Militares que resguardam o Estado do Rio de Janeiro: sua população, seus bens e seu Governo!

Um abraço e, JUNTOS SOMOS FORTES!
CHRISTINA ANTUNES FREITAS

Anônimo disse...

PAI DE MILITAR,

DEPOIS DE DEZ DIAS DISTANTE DESTE RJ, ME DEPARO COM ESTA NOTICIA NO JORNAL O DIA.REFLITAM E PENSEM BEM POIS ASSICIAÇOES E SINDICATOS NESTE PAS SO SERVE PARA ENCHER A BURRA DE SEUS LIDERES, POIS ESTES COVARDES ESTAO ROENDO A CORDA PQ?????FORA ESTAS ASSOCIAÇOES DE M.........A LUTA CONTINUA POIS MOSTRA QUE ESTAS ESTAO DANDO APOIO AO PINOQUIO, quer dizer governadodor de nariz grande.



24/8/2007 01:46:00

Um racha na Polícia Militar

Quatro de seis associações de policiais militares retiraram o apoio à operação Tolerância Zero e outras manifestações


Adriana Cruz e Ricardo Villa Verde

Rio - Quatro de seis associações de policiais militares retiraram ontem o apoio à operação Tolerância Zero e outras manifestações (por melhores condições de trabalho e contra baixos salários), previstas para o dia 27, em Ipanema. Para os policiais, o principal motivo do esvaziamento dos movimentos, que serão mantidos, foi o resultado de reunião ontem do comandante-geral da PM, coronel Ubiratan Angelo, com comandantes e subcomandantes de batalhões. Na ocasião, o oficial teria determinado que os policiais não participassem dos atos.

“É impossível retirar projeto”

Apesar das articulações de alguns deputados pela retirada de pauta do projeto enviado à Alerj pelo governador Sérgio Cabral, a proposta começa a ser votada terça-feira. “É impossível retirar”, afirmou o líder do governo, Paulo Melo (PMDB). Segundo ele, a decisão foi do governador “e do parlamento”.

A votação porém não deve ocorrer terça-feira, porque a proposta receberá emendas. Na quarta-feira, o secretário de Fazenda, Joaquim Levy, vai se reunir com líderes partidários para discutir emendas. O PSDB e o PT devem reunir suas bancadas segunda-feira para tirar posição sobre a proposta.

O PDT, segundo o líder Paulo Ramos, já decidiu pela retirada do projeto da pauta. Nos bastidores da Alerj, as negociações são para que o governo ofereça aos servidores parcela maior dos 25% de reajuste ainda este ano.

O setor de Relações Públicas da PM disse que não se pronunciaria por se tratar de assunto interno. Embora tenham se reunido no Quartel General, Os Barbonos, grupo de coronéis que também luta por melhores salários, não se pronunciou até o fechamento desta edição.

Protestos de mordaça

Policiais civis do Rio voltaram a desafiar o governo ontem, incorporando um novo adereço como símbolo dos protestos por melhores salários: a mordaça. Depois de terem pedido esmolas em frente ao Palácio Guanabara, terça-feira, e de utilizarem muletas para ironizar a proposta apresentada pelo governador Sérgio Cabral (aumento salarial de 25% parcelados em 24 meses), policiais apelaram às mordaças durante manifestação, no Centro do Rio. Foi um protesto contra a decisão da Corregedoria de Polícia de investigar os agentes que pediram dinheiro à população.

O ato começou em frente à sede da Polícia Civil. Depois de uma assembléia na qual decidiram pelo fim da greve de 72 horas, iniciada segunda-feira, os policiais foram até a Assembléia Legislativa (Alerj), onde se uniram a servidores da Saúde e Educação que também estão mobilizados contra a proposta do governo. Da Alerj, os 500 manifestantes saíram em passeata até a Cinelândia, passando pela Avenida Rio Branco. O protesto criou problemas no trânsito. O trecho da Rio Branco a partir da Avenida Presidente Vargas ficou fechado durante 50 minutos, desde as 15h40. O tráfego foi desviado pela Guarda Municipal. A Avenida Presidente Antônio Carlos também permaneceu bloqueada por 15 minutos.

No início da passeata, na Rua da Assembléia, o presidente da Alerj, deputado Jorge Picciani (PMDB), e o secretário de Governo, Wilson Carlos, passaram pelos manifestantes e foram vaiados. Mas o principal alvo dos servidores era o governo do estado. Líderes do movimento acusaram Sérgio Cabral de “farsa eleitoral” por ter prometido valorizar o funcionalismo. Nos carros de som foi reproduzida várias vezes uma fala do então candidato a governador, em campanha, afirmando: “Candidato que disser que a folha de pagamento do estado é alta, é mentira. O estado arrecada R$ 39 bilhões e gasta R$ 13 bilhões com a folha”.

A passeata conjunta acabou sendo solidária aos policiais ameaçados de punição. Professores e funcionários da Saúde também fingiram pedir esmola. “Tenho 12 anos de polícia e 21 elogios na minha ficha. Quem estava pedindo esmola é policial honesto. Se for punido, será motivo de orgulho”, disse o inspetor Francisco Chao. A Corregedoria da Polícia Civil reafirmou que vai investigar o caso. “Se ficar constatado que eles mancharam a imagem da instituição, a punição pode variar de 41 a 60 dias de suspensão”, explicou a corregedora Ivonete Fernandes Araújo.

A mobilização dos servidores continua hoje. Professores fazem assembléia, às 14h, no Clube Municipal, Tijuca. Na próxima quarta-feira, policiais civis fazem nova assembléia, em frente à Chefia de Polícia, às 11h, e poderão decidir por outra greve, se o projeto de aumento salarial do governo continuar na pauta da Alerj.

Anônimo disse...

Wanderby:

Vi o vídeo no Blog do Luiz Alexandre.

- Impressiona e choca ? é claro;
- Me faz repensar algumas coisas ? sem dúvida;
- É triste ? óbvio, ñ gosto de ver meus irmãos de farda numa situação como essas, e penso que os inimigos diretos têm que sentir pelo menos o dobro do sofrimento causado, para que a lição fique evidente a todos;
- Não senti nó na garganta;
- Nem a necessidade de deixar rolar ao menos uma lágrima;
- Não sou insensível, apesar de transparecer isso a primeiro momento;
- Não vou compor a marcha democrática, apesar de tb achar que ganho mal (como todos pensam).

O Por quê ?

Se tem uma coisa que me deixa puto é alguém se utilizar do sofrimento dos outros (no vídeo postado), para tentar ganhar uma causa "no grito". Isso parece coisa daqueles políticos desesperados em campanha, que pelo fato de ñ terem argumentações, atacarem da maneira mais baixa que um ser humano pode utilizar: sensibilizando o coração, para despertar a chama da revolta.

Isso ñ se faz.
Cansei de ver isso, essa tática utilizada pelos políticos nunca deu certo comigo, e por isso repudio.

Outra coisa: ñ é correta a posição de quem ñ quer apoiar o CMT Geral numa hora dessas; lembre-se de que jamais na história da PMERJ houve uma figura tão paciente, conciliadora, engajada e que "descesse de sua posição" (o que ñ é bom para um líder pois, pode comprometer seu poder decisório) para dialogar sempre, num momento delicado como esse.

É mole e incontestável o poder emanado do RDPM e do CPM, caso o CMT resolva utilizar-se; haverá uma chiadeira só, postagens nos "blogs da vida", e ñ passará mt coisa disso, pq A LEI está do lado dele; A LEI QUE VC CORRETAMENTE DEFENDE.

Não trabalho c/ ele, e acho que ñ teria paciência pra ver tanta "mosca de padaria" rodando; me daria logo a vontade de pegar um "mata-moscas" pra limpar o ambiente. Acho tb que nunca trabalharei lá, ñ sei...

Tenho amigos em vários cantos, inclusive no Palácio, e tenho ciência do esforço que ele fez e continua fazendo em prol das melhorias salariais reivindicadas.

Só vou lhe pedir uma coisa:
- Desligue seu telefone celular, desconcte-se da internet por alguns minutos... pare tudo e pense; vc é um cara que "enxerga" as coisas.Existem coisas que fazemos que ñ tem volta, uma palavra mal proferida, por exemplo... e daí vem as consequências

Poderia escrever mais só que, ñ é conveniente... acho que vc compreende, ao contrário de alguns, ñ acho benéfico ficar expondo as vísceras da Corporação em público pois, aprendi e sou adepto da filosofia de que "roupa suja se lava em casa"; "quebrar o pau" pra todo mundo ver, é coisa de prostituta da Rua Augusto Severo.

Aliás, poderia até escrever, tendo em vista que a moderação de comentários foi ativada mas, já o fiz por demais, acredito que já me fiz entender.

Apenas reflita sobre o que eu disse, nada mais. Te desejo booa sorte, e que Deus ilumine seus caminhos.

Anônimo disse...

Wanderby:

Vi o vídeo no Blog do Luiz Alexandre.

- Impressiona e choca ? é claro;
- Me faz repensar algumas coisas ? sem dúvida;
- É triste ? óbvio, ñ gosto de ver meus irmãos de farda numa situação como essas, e penso que os inimigos diretos têm que sentir pelo menos o dobro do sofrimento causado, para que a lição fique evidente a todos;
- Não senti nó na garganta;
- Nem a necessidade de deixar rolar ao menos uma lágrima;
- Não sou insensível, apesar de transparecer isso a primeiro momento;
- Não vou compor a marcha democrática, apesar de tb achar que ganho mal (como todos pensam).

O Por quê ?

Se tem uma coisa que me deixa puto é alguém se utilizar do sofrimento dos outros (no vídeo postado), para tentar ganhar uma causa "no grito". Isso parece coisa daqueles políticos desesperados em campanha, que pelo fato de ñ terem argumentações, atacarem da maneira mais baixa que um ser humano pode utilizar: sensibilizando o coração, para despertar a chama da revolta.

Isso ñ se faz.
Cansei de ver isso, essa tática utilizada pelos políticos nunca deu certo comigo, e por isso repudio.

Outra coisa: ñ é correta a posição de quem ñ quer apoiar o CMT Geral numa hora dessas; lembre-se de que jamais na história da PMERJ houve uma figura tão paciente, conciliadora, engajada e que "descesse de sua posição" (o que ñ é bom para um líder pois, pode comprometer seu poder decisório) para dialogar sempre, num momento delicado como esse.

É mole e incontestável o poder emanado do RDPM e do CPM, caso o CMT resolva utilizar-se; haverá uma chiadeira só, postagens nos "blogs da vida", e ñ passará mt coisa disso, pq A LEI está do lado dele; A LEI QUE VC CORRETAMENTE DEFENDE.

Não trabalho c/ ele, e acho que ñ teria paciência pra ver tanta "mosca de padaria" rodando; me daria logo a vontade de pegar um "mata-moscas" pra limpar o ambiente. Acho tb que nunca trabalharei lá, ñ sei...

Tenho amigos em vários cantos, inclusive no Palácio, e tenho ciência do esforço que ele fez e continua fazendo em prol das melhorias salariais reivindicadas.

Só vou lhe pedir uma coisa:
- Desligue seu telefone celular, desconcte-se da internet por alguns minutos... pare tudo e pense; vc é um cara que "enxerga" as coisas.Existem coisas que fazemos que ñ tem volta, uma palavra mal proferida, por exemplo... e daí vem as consequências

Poderia escrever mais só que, ñ é conveniente... acho que vc compreende, ao contrário de alguns, ñ acho benéfico ficar expondo as vísceras da Corporação em público pois, aprendi e sou adepto da filosofia de que "roupa suja se lava em casa"; "quebrar o pau" pra todo mundo ver, é coisa de prostituta da Rua Augusto Severo.

Aliás, poderia até escrever, tendo em vista que a moderação de comentários foi ativada mas, já o fiz por demais, acredito que já me fiz entender.

Apenas reflita sobre o que eu disse, nada mais. Te desejo booa sorte, e que Deus ilumine seus caminhos.

Anônimo disse...

MAJOR,PELOS JORNAIS DE HOJE,SEXTA-FEIRA,O CMT GERAL ROEU A CORDA JUNTO COM ESSAS ASSOCIACÕES PODRES QUE (DIZEM NOS DEFENDER),que triste sina esta,estamos rodeados por aproveitadores e sangue-sugas por todos os lados,vamos aproveitar a marcha em IPANEMA e conclamar os colegas a pedirem o desligamento dessas associacões que enganam nossa tropa sofrida,pagar para ser enganado é dose dupla.......

Anônimo disse...

Li no jornal o dia, que quatro associações deixaram nosso pleito, se é que algum dia elas já tiveram conosco. Por isso,Caro cmt, gostaria de saber mais detalhes sobre o afastamento das associações que arregaram, se possível, quais são elas, porque o meu 1º ato vai ser retirá-las do meu contracheque,como acho que deveriam fazer todos os que sãos seus associados que têêm vergonha na cara ou um pouquinho de inteligência. Jesus já dizia "quem não ajunta, espalha" e eu digo,"quem não ajuda, atrapalha". espero que se for realmente verdade que elas vão nos abandonar,elas tambêm sejam abandonadas, nem que nós façamos uma campanha para isso. desde já, proponho que seja criada uma associação para substituí-las, composta só de valorosos homens que notadamente vierem a ser perseguidos por causa desta empreitada.COM FÉ EM DEUS E JUNTOS SOMOS FORTES.
Postado por mais um aleijado da PMERJ

Anônimo disse...

Infelizmente no meu limitado pensamento, acredito que aquelas notícias de jornais dizendo que PM está envolvido com tráfico, com desvio de conduta, com atos ilícitos, tendem a aumentar.
E não só mais os PM preencherão este espaço na mídia, os BM também começam a ganhar destaque e quem sabe professores e médicos também.
Os governantes só acreditarão naquilo que falamos em rodas de amigos quando sofrerem na pele o que a gente sabe que está próximo. Quando familiares de políticos forem mortos por bandidos já será tarde.
Perderam uma grande oportunidade de resgatar a alto estima do PM e com isso sofrerão no futuro.
Aquelas pessoas que rodeiam o Governador, só falam pra ele o que ele quer ouvir, dizendo que ele está combatendo a criminalidade e tendo êxito.
Nós que vamos em banca de jornais, frequentamos padarias, sabemos da verdade. O governador sabe das coisas que levam até ele. Infelizmente esses atravessadores de notícias falam apenas o que o governador ou o prefeito quer ouvir, com medo de falar o contrário e perder a "boquinha".


TRISTE E PENSANDO:
EM QUE PROFISSÃO POSSO SER RECONHECIDO FINANCEIRAMENTE PARA PODER QUEM SABE UM DIA LEVAR AS CRIANÇAS NUM PARQUE PRA BRINCAR?

Anônimo disse...

Desafiar a mim?

Um reles Maj PM?

Desafiem os 9 Bardonos, que vão entrar para a história como o grupo mais covarde que já existiu na PMERJ, são tão covardes que ao sofrerem a menor pressão já desistem.

São este os nossos Coronéis?

São estes os que nos representam?

A mim nunca enganaram.......NUNCA!!!

Anônimo disse...

Os 40 da Evaristo deveriam tomar muito cuidado.
Os barbonos já pularam do barco e agora se voltarão contra vocês.
Não confiem nesses parasitas, que estavam lutando para manterem o Pançudo no poder, mas como viram que irão todos para o brejo, começaram a debandar.
O barco, já no início, estava fadado ao fracasso. Os ratos sempre pulam primeiro, ainda mais ratos que possuem gemadas mas nenhuma vergonha na cara!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

FORA UBIRATAM!!!!!! fORA!!!!!!!!
FORA UBIRATAM!!!!!! fORA!!!!!!!!
FORA UBIRATAM!!!!!! fORA!!!!!!!!
FORA UBIRATAM!!!!!! fORA!!!!!!!!
FORA UBIRATAM!!!!!! fORA!!!!!!!!

Anônimo disse...

TOMAR CUIDADO COM O QUÊ?AQUI SÓ TEM GENTE HONESTA,TRABALHADORA E HONRADA,QUEM TEM QUE TOMAR CUIDADO SÃO OS CORRUPTOS QUE SE TROCAM E VENDEM SUAS ALMAS AO DIABO,VAMOS PARA A MARCHA,DIA 26 EM IPANEMA!!!!!!!!!!!!SGT PM.

Anônimo disse...

Avante,vamos para a vitória! E outra coisa,eu vou doar sangue sim,mas em outro dia,não sou escravo de coronel nenhum,eu cumpro a lei e a tenho ao meu lado também!

Anônimo disse...

EU NÃO TENHO CARGO NENHUM NESTE GOVERNO NEM QUERO TER,OU OS COMPANHEIROS DA PMERJ SE UNEM (DENTRO DA LEGALIDADE) E EXIGEM MELHORES CONDICÕES,OU PERDEREMOS DE VEZ A DIGNIDADE,EU NÃO QUERO TER QUE SUPLICAR POR TUDO PORQUE NÃO TENHO DINHEIRO,ISSO É PIOR QUE A MORTE,AGORA,TAMBÉM NÃO VOU ME JUNTAR AOS IMUNDOS QUE ACEITAM VER A PMERJ HUMILHADA!

Anônimo disse...

Prezado companheiro contemporâneo Wanderby.
Já demonstrei, ainda que anonimamente a minha admiração por você, mas eu acho que lhe faltou maturidade, para que pudesse perceber as pessoas que estavam contigo nesta luta.
Os Barbonos são da turma do Ubirapança, logo, estão no poder. Estão conquistando os melhores cargos na PMERJ e fora dela. Você acha sinceramente que esta história de equiparação era pra valer? De sua parte, creio que sim e de alguns Oficiais e praças tb, mas francamente dos Coronéis Barbonos esperar fidelidade, isso é burrice!!!!

Não se sinta frustrado, pois eles sabem que passarão para a história como verdadeiros sofistas e mensageiros da mentira.

Lembre-se que eu lhe avisei:

"Os 40 da Evaristo deveriam tomar muito cuidado.

Os barbonos já pularam do barco e agora se voltarão contra vocês.

Não confiem nesses parasitas, que estavam lutando para manterem o Pançudo no poder, mas como viram que irão todos para o brejo, começaram a debandar.
O barco, já no início, estava fadado ao fracasso. Os ratos sempre pulam primeiro, ainda mais ratos que possuem gemadas nos ombros, mas nenhuma vergonha na cara!!!!!!!!!!!"

Nos veremos mais pra frente companheiro, fique em Paz.

Ass: O Desiludido com tudo, inclusive com os traíras do Barbonos e o Ubirapança que é da mesma laia. Estou desiludido também com o Wanderby, pois acreditou num grupo de traíras, mas eu lhe desculpo por que você é de turma ímpar, o que lhe dá inimputabiliodade.

Anônimo disse...

Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!
Fora Ubirapança!!!!!!
Fora Barbonos golpistas!!!

Anônimo disse...

O que não perceberam foi que a real intenção está além da questão salarial. Êles querem é o próprio fortalecimento para poderem partir com fúria contra os seus subordinados. Perguntem se tentariam mobilizar o nosso pessoal para pressionar o governo a mudar o draconiano RDPM. E transformar o famigerado rancho em vale-refeição. E os quartos dos hospitais da Corporação para todos, de acordo com a necessidade? Aí veríamos a real intenção dos organizadores do movimento.

Anônimo disse...

TEM AINDA O PLANO B ....

Anônimo disse...

O plano "B" companheiro, será a falência total das forças de segurança. A nossa instituição é a grande culpada por tudo isso. Enquanto uns ficam dando ordens e jogando bola no interior dos quartéis,os verdadeiros policiais, aqueles que estão derramando o seu sanque nas vielas da nossa cidade estão sendo escravisados por quem detém o poder, em nome da hierarquia e disciplina. Estamos no séc. XXI e agindo como na época do Brasil colônia. Isso é um absurdo.

Anônimo disse...

O que era para ser uma marcha pacífica, ordeira e disciplinada tornou-se uma MARCHA FÚNEBRE em seu sentido literal.

Acompanhamos o enterro de nossas esperanças institucionais.
Ass: O Desisludido com tudo!