01/02/2008

MAIS UMA INSUBORDINAÇÃO NA PM DO RJ

Parabéns aos insubordinados do "Rio de Paz" (http://www.riodepaz.org.br/) e da Associação de Oficiais Militares do RJ (http://www.assofrj.org.br/), sob a batuta do "insurgente" oficial inativo TC Dilson Ferreira de Anaide.

Rio de Janeiro, em 01/02/1965, DIGO, /2008.

18 comentários:

JUNTOS SOMOS FORTES disse...

Querer "enquadrar" duas entidades civis, legítimas e não submissas ao Códogo Penal Militar como declarou o secretário parece mesmo ser um ATO DE EXCESSÃO, truculento e anacrônico como o "erro" de data ao final do artigo.

NÃO A DITADURA! (seja de qual tipo for)


JUNTOS SOMOS FORTES!

Cidadão Fluminense disse...

Se um Coronel inicia sua participação
em um movimento justo por melhores salários, assina um documento em apoio ao Cel Ubiratan e assim que surge uma oportunidade lhe da uma facada nas costas, se isso não se chama traição....acho que realmente estamos perdidos...a mentira, a traição e o egoísmo estão vencendo a guerra, mas tenho fé que no final a justiça e a verdade triunfarão.

SGT PM MOACYR disse...

Sr. Maj WANDERBY,

Me desculpe se estou errado mas, salvo me engano, o Art. 10 do RD não faz menção nenhuma ao Secretário de Segurança para aplicar punições. Resumindo, que competência ele tem para isso!? E só para lembrar, cabe ressaltar tb que, na edição de anteontem do Jornal da Record, a repórter disse que o Sr. JOSÉ MARIANO BELTRAME havia dito que se sentia parte de nossa Corporação, então ELE TB NÃO TEM CREDIBILIDADE!? É CONFIÁVEL!? NÃO IREI NEM TOCAR EM QUESTÕES SALARIAIS!!! Abçs e que DEUS o abençoe.

MOACYR - SARGENTO DE POLÍCIA
FORÇA E HONRA

Anônimo disse...

Cadê os Cel BM??? Lembro que o secretário falou sobre não ter credibilidade para o aumento... Ele esqueceu que o CBMERJ tem a remuneração atrelada a PMERJ??? Só falta falar que o CBMERJ não tem credibilidade perante a sociedade...
No desfile, o BOPE foi o mais aplaudido. Será que o BOPE também não tem credibilidade? Será que os MIKE do BOPE também não são PM?
Essa de dar aumento só quando ter credibilidade não cola!

Barrim disse...

Em 1965, na guerra fria, nos tinhamos um inimigo externo, uma nação que tinha interesse em dominar outras e impor uma "ditadura do ploretariado".

Hoje, em 2008, temos militares de policia com salarios famelicos lutando por melhores soldos e condicoes de trabalho, e, para isso, nem sequer interrompem suas atividades policiais para nao deixar a sociedade fluminense à merçê dos marginais.

Estamos vivendo um autoritarismo despropositado e sem precedentes em tempos de paz e democracia, no Brasil.

Anônimo disse...

É lamentável o que o próprio Comandante-Geral está fazendo com sua instituição, ao "amontoar" 10 coronéis numa única seção.
Quando falta um mínimo de respeito para com os Coronéis, posto mais
elevado e mais simbólico da disciplina e hierarquia policial militar, como serão tratados os demais escalões?
Nada justifica que um Coronel da PMERJ tenha a metade da remunaração de um Capitão de algumas das PMs brasileiras.

Marcello Martinez Hipólito
Capitão PM
Santa Catarina

Anônimo disse...

CADÊ OS BOMBEIROS, CADÊ OS CEL BOMBEIROS?

Anônimo disse...

AOS BARBONOS, EVARISTOS E DEMAIS COMPANHEIROS

Entra ano, sai ano, entra governo, sai governo, entra secretário e seus assessores, estes também se vão, assim como comandantes gerais,muitos destes galgando outras colocações, tais como assessores em outras pastas, deputados e por aí vai. Só há um grande empecilho neste circulo vicioso: ESTAMOS SEMPRE A MERCE DELES...
Infelizmente, companheiros e amigos, o tempo passa, lá se vão duzentos anos e não aprendemos a lição, não conseguimos fazer o dever de casa.
Inegável que todas as manifestações são positivas, mas muitas foram, ao meu ver, contrárias aos nossos próprios anseios. Vejam só, perdemos nosso Comandante Geral, competente, conciliador, talvez o mais preparado dos últimos vinte anos e pior, estamos sendo enxovalhados pela mídia que desconhece completamente como somos, quem somos, nossa formação e tudo o mais. Todos, com raríssimas exceções, SABEM TUDO DE POLÍCIA MILITAR, da hierarquia e disciplina, da nossa formação, nossos problemas, dificuldades ... .
E nós, quando vamos assumir as rédeas do destino da Nossa Corporação? Até quando ficaremos imóveis à atitutes exasperadas dos famosos “policiólogos” de plantão?
Que me perdoe o governador do estado que NADA entende de segurança pública, bem como seu fiel escudeiro, o secretário de segurança, verdadeiro “alien” no estado e muito pouco conhecedor da área operacional das polícias. E agora teremos um comandante geral nos mesmos moldes, que Deus nos ajude... .
Continuo dizendo em alto e bom tom que nos falta um Plano Diretor de Segurança Pública, feito com base em metas de pequeno, médio e longo prazos, que contemplem todas as áreas afetas à Segurança Pública (Operacional, Pessoal, Logística, Saúde, Habitação, Plano de Carreira, Salários) e tudo o mais que seja necessário para o bom desempenho da atividade de polícia, que transcenda governos, que seja incontestável, elaborado por profissionais de segurança pública, ELABORADO POR NÓS, POLICIAIS MILITARES.
Daí não teremos que nos comparar com quem quer que seja para reinvidicar salários, pois demonstraremos com competência e principalmente resultados QUEM REALMENTE SOMOS, O QUÃO INDISPENSÁVEIS, IMPORTANTES E NECESSÁRIOS SOMOS.
Não mais terão coragem de nos tratar como UMA MEIA DÚZIA DE..., não mais questionarão nosso resultados com comparações extapafúrdias e declarações que ferem os brios de qualquer vivente, ainda mais vindo de pessoa despreparada para o exercício da função operacional e completamente alheio a DUZENTOS ANOS DE UMA HISTÓRIA REPLETA DE HEROÍSMO, COMPETÊNCIA E DEDICAÇÃO A POPULAÇÃO FLUMINENSE, muitas das vezes com a própria vida de incontáveis, insubstituíveis companheiros.
Os desvios de conduta isolados nos ferem mais do que aos pretensos indignados, pois todos, sem exceção, são temporários, passageiros na Nossa História, portanto, devemos, com sobriedade, inteligência e gestão, assunmirmos nosso maior compromisso e tornar a Corporação na melhor e com melhor desenpenho do País.
O que nos falta? Profissionais capacitados temos aos montes. Disposição para a realização e mudança de mentalidade? Não vejo momento mais oportuno. Coragem? Essa nunca nos faltou e temos dado demonstrações diuturnas.
Como citam alguns companheiros: JUNTOS SOMOS FORTES. Mas julgo que mais do que isso: JUNTOS SOMOS MAIS FORTES QUE QUALQUER INTERVENIÊCIA EXTERNA, PASSAGEIRA, TEMPORÁRIA, desde que tenhamos coesão e objetivo específico, publicado, factível e que atenda a todas as camadas da Corporação.

Anônimo disse...

A sociedade nem imagina que o bombeiro pra ter tratamento dentário feito por dentista da própria corporação, CBMERJ, TEM QUE PAGAR e caro por um canal dentário.
TODO MUNDO SABE DISSO E AINDA É LEI APROVADA PELA ALERJ. ABSURDO.
PAGAR PELA CIRURGIA FEITA NO HCB, TUDO ISSO COM O AVAL DA ALERJ.
A DGF ALEGA QUE COBRA SÓ O MATERIAL QUE É UTILIZADO, MAS UM CANAL FICA EM TORNO DE 300,00.
CIRURGIA DE JOELHO (LIGAMENTO) PAGAMOS 6000,00.

Oficial Subalterno disse...

Fui as assembléias na AME, concordei com boa parte das propostas e discordei de outras, mas acho que o rumo que o movimento está tomando está muito devagar. Ouçam mais os tenentes. Não se vence batalhas com flores, salvo Gandhi. As PMs de Minas, Bahia, Alagoas, etc. só consiguiram os devidos aumentos depois de ações rígidas, de choque. AQUARTELAMENTO JÁ! Chega de discursos, passemos para a ação! CERQUEMOS o Palácio Guanabara!
Ass. Oficial Subalterno.

Anônimo disse...

PARA FAZER UM PROTESTO É FÁCIL. BASTA NO CARNAVAL CADA MILITAR SOLICITAR UMA PAPELETA PARA IR AO MÉDICO. AFINAL, NÃO É INSUBORDINAÇÃO FICAR DOENTE. PENSEM NISSO. PARAR NO CARNAVAL. AINDA HÁ TEMPO.

CAP PM RASTEIRO disse...

Parece-me que em breve o governo do estado decretará um novo AI-5, o qual proibia os brasileiros, entre outras coisas, de se reunirem nas ruas, das conversas de esquinas e de manifestações de qualquer ordem.

Anônimo disse...

AQUARTELAMENTO JÁ.

JUNTOS SOMOS FORTES!

Anônimo disse...

LEGITIMIDADE E CREDIBILIDADE


ALGUÉM, POR FAVOR, ME AJUDE!!!!

ANALISANDO AS PALAVRAS DO GOVERNADOR DO ESTADO, O QUAL ALEGA QUE A PM NÃO CREDIBILIDADE NEM LEGITIMIDADE PARA PROTESTAREM POR MELHORIAS SALARIAS E CONDIÇÕES DE TRABALHO, PASSEI ENTÃO A REFLETIR NO ASSUNTO. DAÍ VEM O MEU PEDIDO DE AJUDA.

1º) UM CANDIDATO A GOVERNADOR DO ESTADO, DIZ EM SUA CAMPANHA QUE O GOVERNADOR QUE DIZ QUE NÃO TEM DINHEIRO PARA DAR AUMENTO A SEUS FUNCIONÁRIOS É “MENTIROSO”;

2º) UM SECRETÁRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA, COM POUCOS ANOS DE EXPERIENCIA DE DELEGADO FEDERAL, DESEMPENHANDO SUAS FUNÇÕES AO LONGE DO RJ (RS), ASSUME O CARGO DE SECRETÁRIO DE SEG. DO RIO DE JANEIRO. PROMETE MODERNIZAR ATRAVÉS DA “INTELIGENCIA”, POIS AO PASSAR POUCO MAIS DE UM ANO, NADA MUDA NO CENÁRIO, CONTINUAM AS MESMAS OCORRENCIAS “ESTRANHAS”: DE UM LADO A PM APREENDENDO GRANDE QUANTIDADES DE ARMAS DOS CALIBRES 22, 32, 38, ETC., MAS PPMM MORRENDO AOS TIROS DE FUZIS, SEJAM EM OPERAÇÃO OU ATÉ MESMO DE FOLGA. DO OUTRO LADO UMA POLÍCIA QUE DEVERIA INVESTIGAR, EFETUA OPERAÇÕES ALEGANDO “INTELIGENCIA”, MAS DIVERSAS PESSOAS FERIDAS OU ATÉ MORTAS POR “BALAS PERDIDAS”;

3º) ASSUME O CARGO DE COM. GERAL, UM CIDADÃO QUE, AO CALAR DA NOITE, TRAI A SEUS PARES. MESMO ESSE CIDADÃO NUNCA TER SE QUER TRABALHADO OPERACIONALMENTE EM QUALQUER BATALHÃO EXERCENDO, NEM QUE SEJA COMANDANTE DE CIA, QUE DIRÁ COMANDAR UNIDADE, MESMO EVENTUALMENTE OU EXCEPCIONALMENTE, OU DE OUTRA FORMA QUALQUER.

EIS ENTÃO A PERGUNTA.

QUAL DESSES POSSUEM A “LEGITIMIDADE E CREDIBILIDADE”

Anônimo disse...

PREZADO WANDERBY, SE FOR POSSÍVEL, FAÇA UMA ENQUETE PARA VER QUAL O MELHOR APELIDO PARA O GOVERNADOR MENTIROSO(PARA USARMOS A FOTOMONTAGEM DO MELQUISEDEC):
SÉRGIO PINÓQUIO
PINÓQUIO CABRAL
CABRAL PINÓQUIO

Anônimo disse...

Por favor, alguem dê uma aula sobre as leis penais militares desse pais para o secretério de segurança pública, para que ele pare de falar em issubordinação até os alunos das academias militares de todo o Brasil devem está rindo dele, digam a ele que nem o civil e nem o militar reformado podem ser submetidos as leis penais militares nos casos de crimes considerados propriamrnte militares.

Anônimo disse...

Insubordinação? Ha deve ser os PPMM (oficiais e pr... Imsubordinação? Ha deve ser os PPMM (oficiais e praças) que prestam "serviços" a LIESA no carnaval. Inclusive nessa madrugada foi feita uma imagem e logo em seguida um belo comentario do Sr. Jorge Perlingeiro a respeito do ...) (Bentão como disse o apresentador, que vergonha de ter um MAJ PM fazendo segurança para a LIESA. Ao meu ver insubordinação é fazer segurança para a LIESA que todos sabem que tem uma ligação muito íntima com o jogo de bicho. ISSO É UMA VERGONHA

Anônimo disse...

Nós,militares do CBMERJ,não ficaremos na "moita" como muitos acreditam.
Somos peças diretamente interressadas e engajadas nesse ATO, que na verdade,deveria ser classificado como um verdadeiro ATO HERÓICO.Estaremos não só apoiando nossa CO-IRMÃ, a PMERJ; estaremos OMBRIADOS LADO-a-LADO por reinvidicações dignas e justas !!!
Não somos insubordinados como acreditam alguns.....Somos homens do bem,dignos e que honramos nossas fardas e juramentos; e tenham todos a única certeza, que defenderemos a população até com nossas própias vidas, se assim for preciso !
Porém, somos tb. chefes de família, com compromissos e a DURA (a DURRÍSSIMA )realidade: "TEMOS O SEGUNDO PIOR SALÁRIO MILITAR DO BRASIL !!!!!!!! " ; contrastante com a realidade de SERMOS A SEGUNDA ARRECADAÇÂO DO MESMO BRASIL"