13/10/2007

Vale à pena assistir.

video

Programa "Foco aberto"-NGT-12/10/07.

Parte primeira.

12 comentários:

Anônimo disse...

Na ultima reunião (09-10)ficou claro para nós o seguinte:

1. Melhores salarios não são a prioridade para os Barbonos.

2. A prioridade para eles é uma
Policia Militar "melhor", ou seja, todas aquelas reinvindicações acessorias como volta dos cedidos, por exemplo.

3. Ficou claro tambem que nao estao dispostos a se desgastar politicamente por salarios. Desgastam-se pela PCERj, pelos adidos, por o raio que os parta, mas nao por salario.

4. Em verdade, os barbonos MORREM DE MEDO de atos publicos e congeneres. Medo de perder "o controle". Isso demonstra que a sua liderança nao é consentida pela tropa.

5. Na fala do Cel Paul, ficou clarissimo como fomos usados para fortalecer o Cel Ubiratan frente ao Gov do Estado. Ele apareceu como o apagador de incendios.

Enfim, meus caros, não se iludam. O verdadeiro Cel Ubiratan só conhece quem foi seu comandado na APM D J VI. Extramamente escroto. Ele mantem esse "humor democratico", essa "abertura ao dialogo" porque quem o apoia (SENASP, 3º Setor) quer ve-lo assim. Alias, o que o diferencia da concorrencia (Cel Romilton, Beltrao)? Justamente essa "democracia" toda. Quando posto sob pressao, ele cede sua verdadeira natureza.

Estamos de frente a um desafio. Precisamos sair da zona de conforto e romper com o Cmt Geral e os Barbonos. Eles ja provaram que vieram para usar-nos para seus proprios propositos. Nao tem interesse na luta salarial, nao tem interesse em nada que beneficie os setores mais modernos. Tem interesse em ampliar seu poder, sua autoridade e sua visibilidade frente aos poderes (1º,2º,3º e 4º).

Precisamos voltar nossas baterias para a nossa base, a tropa. Esta é sedenta por atos contundentes e de repudio às autoridades estabelecidas. Mas, finalmente, para isso precisamos sair do conforto do auditorio da APM.

Anônimo disse...

Excelente o vídeo. É muito fácil por tudo na conta da PM.

Anônimo disse...

Major,
ótimo vídeo se possivel coloque a 2ª parte!
abraços

Anônimo disse...

Deixa ver se entendi: A Polícia Civil, autorizada pela Justiça, faz escutas telefônicas para identicar quem são os traficantes e quem fornece drogas e armas aí através delas chega a dez marginais e 59 policiais militares.
Então vêm o deputado e o coronel reclamarem que a Polícia Civil não faz seu tabalho de investigação ( não? ) com qualidade pois os PMs foram presos sem que fossem julgados...
Ao que sei, quando a Justiça expede mandados de prisão é porque ela foi convencida de que há elementos suficientes para isso. Aí então é culpa da Polícia Civil?
Com todo mundo é asim. A polícia investiga, pede a prisão, a Justiça concede OU NÃO!
O que os senhores propõem? Que num gesto de demonstração de amizade o delegado chamasse o comandante do 15º BPM e dissesse :" olha tem PMs envolvidos. Avisa para eles senão vou ter que pedir suas prisões?"
Façam o favor! Critiquem a Justiça que " avaliou mal " a investigação e decretou as prisões.
Ficou claro tb que o deputado e o coronel conversaram muito antes da entrevita pois qualquer idiota vê que um levantava a bola pro outro a todo tempo.
Essa " guerra " srs. que certos oficiais da PM iniciaram contra os delegados está sendo observada por outros políticos tb. E pela população. Parem de vaidades. Façam o seu serviço de polícia repressiva bem feito e depois cobrem ganharem e terem poderes de autoridade policial.

Anônimo disse...

Vamos as perguntas..

1) qual é o 'ibope' do canal NGT...quantas pessoas efetivamente assistem a este Noticiário..

2) Cel Paul disse ser a PMERJ 'eterna'.. do jeito que vão as coisas, quem (e quantos) sinceramente creem nisso...

3) O Dep. Paulo Ramos, afirma que a PC usurpa funções, mas nossa P2 faz o mesmo, não é...

Sendo assim, sinceramente diante de nossa inércia e 'disciplina radical', somos não apenas elefantes amarrados com barbante. Sinto que somos uma manada de Mamutes, fadados à extinção, pois estamos sendo acuados por aqueles que não são grandes mas tem usado a inteligência, com mais frequência do que nós.

Samango 1 CPI

WANDERBY disse...

Caro Anônimo
Fique tranqüilo, pois as demais partes serão postadas.

Anônimo disse...

Fico pelo menos "satisfeito" em ouvir da boca do proprio corregedor que "às vezes somos rigorosos demais", ou seja na minha interpretação idiota ele afirma que algumas vezes policiais são punidos e excluidos de forma desnecessária. Acho que estamos falando da vida de outras pessoas, que merecem respeito. Seria tão bom se o Coronel corregedor fizesse o que fala. Desta vez até acredito que a CIntPm não tenha exposto as fotos para a imprensa mas e nas outras prisões realizadas pela PM, onde sempre tem a cara do PM estampada nos jornais. Caro Corregedor, mais de 500 excluídos desde 2005, realmente o Sr. é muito competente. Em quantos destes o Sr. foi rigoroso demais. Certamente as famílias destes devem estar muito bem. Respeite os Policiais e serás respeitado pela tropa, chega de injustiça. Vamos investigar de forma correta e punir por fatos comprovados, chega de coturno sujo. E não se esqueça que "in dubio pro reo".

CAP PM COMBATENTE

Anônimo disse...

So conversa fiada!!!!
nada d concreto!!!
enquanto isso ja morreram 3 policiais na data de ontem .

Anônimo disse...

O problema não é a Polícia Civil investigar a PM e sim fazer em primeiro lugar. Por que a PCERJ não investiga primeiramente a sí mesma? Por que a PCERJ no caso acima citado, condenaram na hora, quando os mesmos nem haviam sido julgados? Se a PMERJ é um lixo e a PCERJ o sonho de qualquer policial, por que será que um Delegado que ganha bem mais que um Cel, ficava parando carros junto de um agente penitenciário? Por útimo, se todo oficial da PMERJ quer ser da PCERJ, acho que os Delegados da PCERJ querem ser promotores... Ou quem sabe PF? Será que é porque a investigação da PF é bem + rigorosa???

Anônimo disse...

Lamentável que nada muda, estamos há muitos anos afundando, a PM está moribunda, em rota de colisão. Falta bem pouco, e os oficiais começaram a perceber a grande muralha que está sendo construida, deixando-nos completamente isolados. Isso será o fim da Guarda Real. Ou transforma-se ou acaba. Essa é a dura realidade.
Porém há uma forma de se recuperar a auto estima dos nossos homens. Sempre vimos, ao longo dos anos a PM retirar a farda dos nossos praças, colocando nêles o fardo dos erros ao longo de décadas de políticas equivocadas. São praças sendo excluidos as dezenas e nada muda. É preciso dar a volta pos cima. Vamos precionar as autoridades para que a legislação seja modificada, para podermos também retirar com facilidade a farda dos oficiais em desvio de conduta ou envolvidos no crime. Não podemos admitir que a punição para os nossos soldados seja a exclusão e a dos oficiais seja a promoção na carreira ou viagens ao exterior. e depois querem mudar. mudar como?

Anônimo disse...

Correção: Por favor.
Onde se lê dar a volta pos cima - leia-se dar a volta por cima. e vamos precionar as autoridades ..... - leia-se vamos pressionar as autoridades.....
muito obrigado.

Anônimo disse...

Correção: Por favor.
Onde se lê dar a volta pos cima - leia-se dar a volta por cima. e vamos precionar as autoridades ..... - leia-se vamos pressionar as autoridades.....
muito obrigado.