01/10/2007

Suas verdades custaram seu emprego.

A jornalista Salete Lemos foi demitida em julho passado pela TV Cultura, onde era âncora do Jornal da Cultura. Após um comentário sobre o Plano Bresser, em que ela acusa os bancos de enriquecimento ilícito e sonegação de extratos, Salete saiu de férias e foi demitida.

video

"Um banco ameaçou tirar o patrocínio se eu não me retratasse no ar. A Cultura perdeu o compromisso com a liberdade editorial", afirmou Salete (Folha Online, 29/10/07).

Um comentário:

Anônimo disse...

MEU BOLSO FOI ROUBADO, VEJAM QUERO DIZER O NOSSO BOLSO.

Supera os R$ 100 milhões a dívida do governo do estado com o sistema de saúde da Polícia Militar. É mais do que o dobro do que custou um hospital de grande porte na Quinta da Boa Vista à Rede D'Or, uma das melhores do estado. Dá para concluir que se o dinheiro, descontado dos policiais, fosse usado para a assistência na corporação, o Hospital Central da PM seria o melhor do Rio de Janeiro.